Ads Top

Testemunho impressionante de um ex-satanista


Um dos livros mais impressionantes e reveladores que eu já li foi o Viagem ao Sobrenatural, da Casa Publicadora Brasileira, escrito pelo adventista canadense e ex-satanista Roger Morneau. Nesse livro, Morneau fala de sua experiência nos meandros do mundo ocultista e satanista. Revela as estratégias satânicas e narra seu encontro libertador com Jesus. Depois de convertido, Morneau desenvolveu um lindo ministério de oração intercessora, o que ele descreve em outro livro muito bom da Casa Publicadora Brasileira: Respostas Incríveis à Oração. Para mim, um dos grandes méritos da obra desse homem é chamar a atenção para algo que muitos cristãos acabam esquecendo: que estamos vivendo no meio de um tremendo conflito espiritual e nossa vida está sendo disputada continuamente pelas forças envolvidas nessa batalha. Satanás e seus anjos são reais. São anjos caídos e rebelados contra o governo de Deus e contra a lei que rege os seres criados. Eles fazem de tudo para controlar nossa mente, nosso coração. E nossa única salvaguarda consiste em uma vida de íntima comunhão com Aquele que é tão real quanto o diabo, mas infinitamente mais poderoso.

O testemunho que você vai assistir a seguir é parecido com o de Roger Morneau, mas vem da África, mais precisamente de Angola. Trata-se da história de Gabriel Guilherme Estêvão, dedicado desde o ventre a Satanás para que fosse seu servo e propagador de suas ideias diabólicas. Gabriel foi apresentado pelo pastor Tunda, da igreja adventista central de Angola, ao conselheiro espiritual da Escola Bíblica da Novo Tempo, Manassés Queiroz, que fez a filmagem quando esteve naquele país. À semelhança de Morneau e totalmente coerente com o que o canadense escreveu, Gabriel também revela as estratégias diabólicas de dominação satânica e reforça o que o apóstolo Paulo escreveu em Efésios 6:12: “Não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.”

Depois de convertido, Gabriel relutou por mais de seis anos em revelar sua história, mas entendeu que Deus o estava motivando a testemunhar, a fim de ajudar seus irmãos de fé a acordar do marasmo espiritual e serem cristãos adventistas de fato. Parar de brincar com a salvação.

Em nosso mundo cada vez mais secularizado e dominado pelo mal, tendemos a nos esquecer dessa luta e de que a vitória só pode ser alcançada pela força que vem de Jesus Cristo. Aliás, algo que fica em evidência tanto no testemunho de Morneau quanto no de Gabriel é o encontro deles com Jesus e de como passaram a amar o verdadeiro Mestre. Esse é sem dúvida o ponto mais importante das histórias deles, o que faz delas muito mais do que mero sensacionalismo. Relatos de pretensos ex-satanistas há muitos por aí, mas tudo o que fazem é apenas exaltar o poder e as obras do inimigo, além de propagar conceitos antibíblicos como o mito do inferno eterno e a mentira da imortalidade da alma. Morneau e Gabriel passam longe disso e apontam a Bíblia como a suprema revelação de Deus e a Jesus como o nosso libertador das garras do mal. Mas é preciso entregar a vida a Ele e viver coerentemente o cristianismo, cientes de que numa guerra não pode haver vacilos.

Assista ao vídeo com oração e atenção e tome também a sua decisão. Que Deus te abençoe. [MB]

Tecnologia do Blogger.